ORGANIZAÇÃO EXIGE LIBERTAÇÃO DE GRAÇA CAMPOS









 ORGANIZAÇÃO EXIGE LIBERTAÇÃO DE GRAÇA CAMPOS

 
Iniciativa Angolana Antimilitarista

para os Direitos Humanos
Berlin - Uma organização de defesa dos Direitos Humanos de Angola exigiu hoje a libertação «imediata e incondicional» do jornalista angolano Felisberto Graça Campos, condenado há uma semana por um tribunal de Luanda a oito meses de prisão.



Em comunicado datado de Berlim, a Iniciativa Angolana Antimilitarista para os Direitos Humanos (IAADH) acusa o governo de Luanda de «continuar com a prática de abusos e de violações dos direitos dos angolanos», mesmo depois de ter ratificado o tratado que visa proteger os direitos humanos e a liberdade de expressão.



«O cinismo e arrogância do governo de Angola não tem poupado nem respeitado os direitos fundamentais do povo que o elegeu», acusa a organização, lembrando a impunidade que persiste em relação aos responsáveis por «assassínios» de vários dirigentes políticos.



«A IAADH apela à opinião pública nacional e internacional e à sociedade civil angolana para juntarem as vozes de protesto para libertação imediata e incondicional do jornalista Felisberto Graça Campos preso arbitrariamente», lê-se no documento.



Além de condenado a oito meses de prisão por injúria e difamação ao antigo ministro da Justiça Paulo Tjipilica, o director do Semanário Angolense terá também de indemnizar o visado em 250 mil dólares (cerca de 180 mil euros) pelos danos morais causados.



Em causa está um artigo publicado pelo Semanário Angolense, em 2004, em que se denuncia que o ex-ministro da Justiça tinha dado aval favorável à alienação das casas de antigos colonos que abandonaram o país, bens que foram confiscados pelo Estado angolano, deixando ao relento os novos donos que ali viviam há mais de duas décadas.





Voltar

Aucune note. Soyez le premier à attribuer une note !

Ajouter un commentaire

Vous utilisez un logiciel de type AdBlock, qui bloque le service de captchas publicitaires utilisé sur ce site. Pour pouvoir envoyer votre message, désactivez Adblock.

Créer un site gratuit avec e-monsite - Signaler un contenu illicite sur ce site

×