UNITA exige garantia de oportunidades iguais de acesso ao trabalho e de remuneração

UNITA exige garantia de oportunidades iguais de acesso ao trabalho e de remuneração

 

COMUNICADO

Por ocasião do 1º de Maio de 2008, dia Internacional do Trabalhador, o Comité Permanente da Comissão Política da UNITA dirige uma especial saudação a todos quantos com o seu trabalho contribuem para a dignificação do angolano e para o desenvolvimento do nosso país.

O dia Internacional do Trabalhador representa, de forma significativa, o longo e difícil percurso da luta dos trabalhadores em todo o mundo, pela conquista de direitos hoje consagrados universalmente, mas infelizmente nem sempre respeitados.

O Comité Permanente da Comissão Política da UNITA entende que o Estado e as organizações económicas devem garantir ao cidadão angolano a igualdade de oportunidades de acesso ao trabalho, de remuneração igual perante o trabalho igual, de combate ao trabalho infantil, de assegurar um sistema eficaz de incentivos com oportunidades de promoções, subsídios de reforma e a disponibilidade de bens e serviços a fim de melhorar as condições de vida dos trabalhadores angolanos, elevar o seu nível social de modo a poderem atingir a estabilidade sócio económica.

Perante os grandes desafios que Angola tem pela frente, é fundamental investir na formação técnico profissional do trabalhador, garantindo os instrumentos para o aumento da produtividade nacional. Também urge tudo fazer para combater o trabalho ilegal, que hoje atinge um grande número de trabalhadores nacionais e estrangeiros, sendo um modo indirecto de exploração do trabalhador.

O Comité Permanente da Comissão Política da UNITA entende que deve ser respeitado, de facto, o direito dos trabalhadores se organizarem em sindicatos livres, bem como direitos constitucionalmente consagrados, tais como o direito de manifestação ou o direito à greve, muitas vezes negados no nosso país, e protegerem colectivamente os seus interesses, reforçando a causa da democracia.

Assim, o trabalho torna-se efectivamente a forma mais nobre da realização humana, permitindo ao indivíduo exprimir a sua capacidade criadora e dar a sua contribuição ao engrandecimento da sociedade.

Luanda, 01 de Maio de 2008

O COMITÉ PERMANENTE DA COMISSÃO POLÍTICA DA UNITA

Aucune note. Soyez le premier à attribuer une note !

Ajouter un commentaire

Créer un site gratuit avec e-monsite - Signaler un contenu illicite sur ce site

×