Angolanos sem liberdade

 

Angola melhora mas mantém-se o menos livre dos países lusófonos

Angola continua a ser o país lusófono onde são menores os direitos políticos e liberdade cívica dos cidadãos, apesar das eleições legislativas de 2008 terem criado uma tendência positiva, afirma a organização não-governamental Freedom House.


No ranking "Liberdade no Mundo em 2009", Angola é o único país lusófono enquadrado na categoria dos "não livres", onde estão 42 dos 193 países incluídos no estudo sobre as liberdades cívicas a nível global, divulgado esta segunda-feira.

As categorias que incluem mais países lusófonos são as de "parcialmente livres" - Guiné-Bissau, Timor-Leste e Moçambique - e livres - Portugal, Brasil, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe.

"Angola recebeu uma seta de tendência de subida por ter realizado as eleições legislativas há muito adiadas, que foram consideradas credíveis apesar de algumas irregularidades", refere a Freedom House, uma organização com sede em Washington.

A evolução angolana contrariou a tendência de declínio na região da África subsahariana, onde se destacaram pela negativa Senegal e Mauritânia, mas também Burundi, Camarões, República Democrática do Congo, Guiné Equatorial, Gabão, Gâmbia, Guiné-Conakri, Namíbia, Nigéria, Zimbabué e o território da Somalilândia.

"Depois de vários anos de ganhos modestos, a África subsahariana registou um ano de revezes substanciais para a democracia. O declínio afectou alguns dos maiores e mais influentes países do continente e resultou em parte de golpes militares, conflitos étnicos e tentativas violentas de suprimir a sociedade civil", lê-se no estudo.

Ao todo, foram doze os países africanos, um quarto do total, que inverteram a marcha democrática nos seus países, e no resto do mundo o cenário não foi diferente, segundo a Freedom House.

"A melhoria das liberdades na Ásia foi um raro ponto positivo num ano que foi marcado por revezes e estagnação", afirma o director de pesquisa da organização não-governamental, Arch Puddington.

"Numa altura em que os antagonistas das democracias são crescentemente assertivos e os apoiantes democráticos estão em debandada, a nova administração [norte-americana, de Barack Obama] tem de concentrar-se na necessidade de proteger liberdades fundamentais e suportar os defensores de primeira linha e apoiantes", refere Jennifer Windsor, directora-executiva da Freedom House.

Criada em 1972, a Freedom House dedica-se a actividades de apoio à expansão das liberdades a nível mundial, e monitoriza a evolução dos direitos políticos e liberdades cívicas.

A pontuação é atribuída através de um processo de análise e avaliação conduzido por especialistas da ONG, consultores regionais e académicos

Les macarons à la Canelle et au Nutella

 

INGREDIENTS POUR LES COQUES :

* 3 blancs d'oeufs
* 210 grammes de sucre glace
* 125 grammes de poudre d'amande
* 1 cuillère à café rase de Canelle
* 30 grammes de sucre en poudre

POUR LE FOURRAGE :

* de la pâte à tartiner Nutella

 

Passer au robot couteau la poudre d'amande, le sucre glace et la canelle (ainsi le tout est superbement mélangé !!!).

 

Battre les 3 blancs en neige extrèmement fermement avec le sucre jusqu'à obtention d'un effet "bec d'oiseau".

 

Ensuite, petit à petit, cuillère par cuillère, ajouter le mélange de sucre glace, poudre d'amande et canelle aux blancs battus en neige et mélanger avec une spatule en silicone jusqu'à obtenir un mélange brillant.

 

 

Le tout doit faire un ruban lisse en retombant.

 

Charger votre poche à douille et faire des petits dômes que vous laisserez reposer une bonne vingtaine de minutes minimum, le mieux étant de les laisser une bonne heure.

Mettre ensuite cela au four 10 minutes à 160° préchauffé.

Laisser complètement refroidir les coques sur le plateau avant d'essayer de les décoller.

 
 

Une fois les coques complètement refroidis, décollez-les.

Poser une noix de pâte à tartiner Nutella sur une coque et refermer avec une autre.

 
 

Faire de même avec tout le reste !!!

Aucune note. Soyez le premier à attribuer une note !

Ajouter un commentaire

Vous utilisez un logiciel de type AdBlock, qui bloque le service de captchas publicitaires utilisé sur ce site. Pour pouvoir envoyer votre message, désactivez Adblock.

Créer un site gratuit avec e-monsite - Signaler un contenu illicite sur ce site

×