Executivo formado por primos, cunhados, e esposas de amigos

- Um levantamento de dados dá conta que foram nomeados como membros do novo governo, cunhados, primos, e irmãos e esposas de amigos de altas figuras do MPLA. foram identificados mais de 11 governantes que estão nesta categoria dentre os quais quatro dirigentes próximos a família do Presidente, José Eduardo dos Santos (JES). Não se esta em condição de se confirmar se essas promoções representam sinal de nepotismo ou de competência dos mesmos.
Executivo formado por primos, cunhados, e esposas de amigos
O Ministro das Finanças, Carlos Alberto Lopes é esposo de uma irmã da primeira dama, Ana Paula dos Santos. Já o Ministro da Defesa Nacional, Cândido Pereira dos Santos Van-Dúnem é apresentado como primo do PR. Um outro elemento próximo a família presidencial é o Vice-Ministro do Ordenamento do Território, Manuel Francisco da Silva Clemente Jr que esta casado com uma sobrinha de JES que é filha de Marta dos Santos. Clemente Jr esteve antes a trabalhar no Gabinete de Obras especiais com o general Kopelipa, e o vice ministro da Construção Joaquim Silvestre, irmão da 1ª Dama.
No gabinete de JES acaba de ser nomeada uma Secretária para os Assuntos Sociais, Rosa Escórcio Pacavira de Matos que é apresentada como sobrinha do esposo de Marta dos Santos, irmã de JES. O tio de Rosa Pacavira Matos é no meio da família presidencial tratado por "Ti Pacas".
O Vice-Presidente do MPLA, Roberto de Almeida, também não fica atrás. Tem no governo, um sobrinho, Adão Correia de Almeida colocado como Vice-Ministro para os Assuntos Institucionais e Eleitorais. O Ex-Secretario Geral dos "Camaradas" e vice presidente da Assembléia Nacional, João Lourenço tem a sua esposa, Ana Afonso Dias Lourenço como Ministra do Planeamento.
O Membro do Bureau Político do MPLA, general Antonio "Ndalu" esta familiarmente conotado no governo com Maria de Fátima Monteiro Jardim que é irmã da sua esposa. Outro general influente do regime com parentes no executivo é o Ministro de Estado, Manuel Vieira Dias "Kopelipa", que esta familiarmente ligado ao Ministro da Saúde, José Vieira Dias Van-Dúnem e o recém nomeado, secretário para os Assuntos Locais do Presidente da República, André Rodrigues Mingas Júnior.
Nito Teixeira, o director do Gabinete de JES na sede do MPLA tem, no governo, a sua esposa a exercer o cargo de Ministra do Ensino Superior e Ciência e Tecnologia, a acadêmica Maria de Cândida Pereira Teixeira. Esta por sua vez é irmã gêmea da governadora da Lunda sul, Cândida Narciso cujo esposo é o administrador municipal do Cazenga, Tany Narciso.
O recém nomeado Director de Gabinete de Quadros dos presidência, Aldemiro Vaz da Conceição é irmão do deputado do MPLA, Gustavo da Conceição. Ambos tem um outro irmão, o adido de defesa na embaixada angolana em Portugal, Fernando Vaz da Conceição "Mussolo".
Ainda no gabinete presidencial, o recém nomeado Secretário para os Assuntos Diplomáticos e de Cooperação do Presidente da República, Carlos Alberto Fonseca é irmão do embaixador angolano na Singapura, Flávio Fonseca.
Agostinho Fernandes Nelumba, o Vice-Ministro da defesa para a Administração e Finanças, é irmão do membro do comitê central, José Nelumba, que é esposo de Carolina Cerqueira, a nova "patroa" da comunicação social. Ambos Agostinho e José são irmãos do ex-PCA, da ENE, Eduardo Nelumba que também faz parte do CC. Estão ligados a vice-presidente da FESA, Maria Nelumba (Esposa de Eduardo Nelumba, a mesma é igualmente alta funcionaria do Ministério das pescas).
Archer de Sousa Mangueira, o vice ministro do Comércio , é familiar do embaixador angolano no Dubai Rui Mangueira e do antigo director executivo do COCAN 2010, Antonio Mangueira. Outro vice Ministro com familiar no partido no poder é o das relações exterior para a Administração e Finanças. O mesmo é primo da deputada do MPLA, Ângela Bragança. O vice dos petróleos para a Administração, José Gualter dos Remédios Inocêncio é irmão paterno de Aldina da Lomba, a Secretaria provincial da Reinserção social em Cabinda e igualmente membro do Comitê Central do MPLA.
Por sua vez, há dois "manos", a integrarem o governo, o Vice-Ministro das Tecnologias de Informação, Pedro Sebastião Teta e o Secretário de Estado da Ciência e Tecnologia, João Sebastião Teta.
Fora os outros familiares que estão em determinados Lugares com ou sem cargos que não se ouve falar mais estão la eles.


 

27 votes. Moyenne 2.85 sur 5.

Commentaires (3)

1. LUSIMANA SEBASTIÃO DONQUEL 10/08/2012

é melhor publicarem melhor estes textos neste preciso momento, principalmente nos que somos do zaire ja estamos saturados com estes homens, havera um tempo que nos vamos proibir a entrada de estrangeiros a entrar no soyo. e avisem o zedu que com tempo vamos queimar a plantaforma de petroleos

2. sulleben Mateus da Silva 10/07/2012

AO:
Corpo Diplomático da República de Angola no Rio de Janeiro.

Prezados Senhores, expresso por intermédio desta mensagem em nome de todos os Angolanos residentes e não residentes nesta cidade a tristeza pelo mau atendimento que vivenciamos por parte de alguns representantes deste consulado. No dia 04 de Junho Dirigi-me a este consulado da República de Angola para tratar de assuntos pessoais relacionados comigo e com a minha filha de apenas 6 meses. Ao chegar neste Consulado encontrei cerca de 30 cidadãos Brasileiros acompanhados por um Senhor também Brasileiro que portava cerca de 40 passaportes em mãos cujos tais movimentavam de uma forma frenética este Consulado com entradas e saídas constantes o que fez com que todos os funcionários do Consulado voltassem suas atenções exclusivamente para aqueles cidadãos! A primeira vista parecia que o consulado tinha se transformado em um supermercado ou mesmo uma praça! Sem exageros me pareceu que havia algo a venda naquele momento, naquele espaço que é um espaço prioritário para atendimento primeiramente aos cidadãos Angolanos, e depóis à outros cidadãos de outras Nacionalidades que tenham motivos para deslocar-se para Angola. Havia um Senhor vestido a rigor, que me pareceu Angolano, e que interagia constantemente com o tal Senhor que portava os cerca de 40 passaportes perguntando a respeito de certos indivíduos que o tal Senhor havia prometido levá-los ao consulado. Para sintetizar penso que isso é uma vergonha transformar o Consulado em um mercado. A outra coisa que nós Angolanos gostariamos de saber é se o Presidente da República o Senhor José Eduardo dos Santos tem conhecimento sobre este tipo de funcionamento e dos negócios que aí se fazem, se não bastassem as centenas de dólares noticiados que semanalmente os religiosos Brasileiros tiram ilegalmente do nosso país? Não era de se espera que cidadãos Angolanos também participassem destas práticas desonestas o que intensifica e vulgariza a nossa pátria. Por incrível que pareça estou a direcionar esta informação ao ministério das relações exteriores em Angola, ao gabinete da Presidência da República em Angola, a televisão pública de Angola e ao jornal de Angola, porque nós achamos que isto é um gozo! Achamos que nossos problemas deveriam ser resolvidos em primeiro lugar por sermos cidadãos Angolanos, se não, não haverá sentido em sermos cidadãos Angolanos se os Brasileiro são priorizados em suas mãs intensões com relação à Angola!

3. judo 07/01/2011

Quando eu chegar no poder vou fazer o mesmo. É a lei da vida....

Ajouter un commentaire

Vous utilisez un logiciel de type AdBlock, qui bloque le service de captchas publicitaires utilisé sur ce site. Pour pouvoir envoyer votre message, désactivez Adblock.

Créer un site gratuit avec e-monsite - Signaler un contenu illicite sur ce site

×