DELEGAÇÃO SUL-AFRICANA VAI RECORDAR BATALHA DE CUITO-CUANAVALE

DELEGAÇÃO SUL-AFRICANA VAI RECORDAR BATALHA DE CUITO-CUANAVALE

Uma missão parlamentar sul-africana, que inclui ex-combatentes do anterior e do actual regime, partirá sexta-feira para Cuito-Cuanavale para assinalar o 21º aniversário daquela que é considerada a maior batalha travada em África desde a II Guerra Mundial.

Os membros do Parlamento, académicos, veteranos de guerra - quer do braço armado do ANC que lutou contra o "apartheid" quer das antigas forças armadas do regime minoritário branco, as SADF - viajarão por estrada e visitarão várias áreas em redor de Cuito Cuanavale onde tiveram lugar alguns dos confrontos mais violentos em 1987. Naquele ano, as SADF invadiram território angolano através do então Sudoeste Africano (hoje Namíbia) para, dependendo das opiniões expressas desde então, repelirem as tropas cubanas que ajudavam as forças governamentais angolanas a combater a UNITA, ou para ocuparem em permanência território angolano.

"No Cuito Cuanavale militares angolanos, cubanos e namibianos conseguiram travar a agressão militar das forças militares do apartheid, enquanto os exércitos de libertação sul-africanos que lutavam no Norte de Angola conseguiam conter os rebeldes angolanos, evitando que eles reforçassem o exército do apartheid", refere um comunicado hoje emitido pelo parlamento sul-africano a propósito desta jornada à memória dos tempos. A versão angolana sobre os acontecimentos de 1987 foi em mais de uma ocasião desmentida pelos ex-generais das SADF que participaram na operação e na invasão. Algumas daquelas altas patentes afirmaram recentemente que as forças do regime de Pretória nunca tiveram intenções de ocupar território angolano, incluindo mesmo a cidade de Cuito Cuanavale, tendo apenas como objectivo repelir o avanço das tropas angolanas e cubanas, o que alegadamente teria sido conseguido.

As terríveis batalhas de 1987 naquela província angolana fizeram milhares de mortos e feridos, mas os números foram sempre objecto de controvérsia. Segundo a versão do antigo regime sul-africano, as SADF sofreram 20 baixas enquanto entre angolanos e cubanos o número de vítimas mortais ascendeu a 4.000. As negociações de paz que se seguiram à batalha de Cuito Cuanavale resultaram na retirada de todas as forças estrangeiras de Angola e subsequentemente na independência da Namíbia, antiga colónia alemã que estava então sob administração ilegal sul-africana.

O parlamento sul-africano salienta no comunicado que a visita terá como objectivos realçar a importância decisiva daquele período de conflito regional e encorajar um melhor entendimento da importância da solidariedade global na emancipação da África Austral e da África em geral. "Prestaremos homenagem a todos aqueles que fizeram o sacrifício supremo pela libertação da África do Sul", lê-se no comunicado parlamentar, que salienta que durante a jornada por estrada a caravana visitará locais de importância histórica, projectos comunitários iniciados entretanto e recolherá informações sobre as necessidades de desenvolvimento da região.

 

 

 


Voltar

 

Aucune note. Soyez le premier à attribuer une note !

Commentaires (1)

1. Oakley Flak Jacket (site web) 19/07/2012

Why invention sunglasses?In accordance with the usual view, in order to block the sun's ultraviolet and infrared, to protect the cornea from burns.From English to say "sunglasses" the word seems, is nothing less than the truth.You should rarely seen not wearing sunglasses appeared in public, Karl Lagerfeld.The sunglasses spokesperson from the colored glasses seen in the world more beautiful, everyone is like 10 years younger. "
http://www.oakleyflakjacke-half.com/ Oakley Flak Jacket

Ajouter un commentaire

Vous utilisez un logiciel de type AdBlock, qui bloque le service de captchas publicitaires utilisé sur ce site. Pour pouvoir envoyer votre message, désactivez Adblock.

Créer un site gratuit avec e-monsite - Signaler un contenu illicite sur ce site