Créer un site gratuitement Close

O Kimbundu

O Kimbundu

O kimbundu pertence ao grande grupo de família das línguas africanas designada por "bantu". Bantu significa pessoas e é o plural de muntu. Em kimbundo mutu é o nome que significa pessoa, sendo o plural atu. Todas a línguas do grupo Bantu, possuem o mesmo parentesco que notamos por exemplo entre as línguas neo-latinas, tendo sido por isso mesmo enquadradas neste grupo (grupo Bantu). O povo bantu faz referencia aos indivíduos pertencentes a este grupo linguistico, mas não constituem um grupo isolado mas a união de vários povos ao qual pertencem segundo uma classificação feita pela semelhança da linguagem. Portanto não devemos falar em língua bantu e sim em línguas bantu, ou civilizações bantu porque inúmeras são as línguas e as civilizações ou povos que estão enquadrados neste grupo, tendo em comum somente o elo do parentesco da linguagem que sugere pela grande semelhança, um tronco comum de origem, mas que apresentam no entanto diversidades socias, culturais e políticas, mudanças essas ocorridas provavelmente ao longo do tempo. Esta semelhança da linguagem, faz supor evidentemente uma língua e até mesmo um lugar comum de origem desses povos, que acabou por dar devido a circunstancias históricas os diversos grupos com seus costumes e línguas diferentes (embora identifiquemos o parentesco linguistico). Atualmente o Kimbundu é falado por muitas pessoas. Chamamos de kimbundu, ou língua de Angola, por ser a língua geral do antigo reino de Ngola e ser a primeira a ter a honra de ser estudada e traduzida pelos Europeus.

O Nome da Língua


Em sua gramática Heli Chatelain, faz o seguinte comentário:

"Na literatura portuguesa e estrangeira esta lingua era conhecida até hoje sob o nome de "lingua bunda", ao passo que entre os brancos de Angola é mais conhecida como "ambundo". Cientificamente, porém, nem uma nem outra destas denominações é admissível: a primeira por ser quase um termo obsceno na lingua que pretende designar, a segunda porque significa " os pretos" e não a sua linguagem, ambas por não serem usadas pelos indigenas que falam a lingua em questão. " Kimbundu" pelo contrário, é o termo vernaculo, dizendo os pretos de Angola, os a-mbumdu: o kimbundu, em kimbundu, falar kimbundu, mas nunca falar ambundo ou bundo ou bunda. Os vocábulos mu-mbundu, um preto, ou uma preta, a-mbundu, pretos ou pretas e ki-mbundu, linguagem dos pretos constam como base comum mbundu e dos prefixos mu-, a-, ki-, significando mu- pessoa, a- pessoas e ki linguagem. Concorda com isto com o que se nota nas linguas da familia bantu, a qual peretence também o nosso kimbundu, sendo o prefixo ki- o que mais se emprega nelas para designar linguagem. Algumas tribos pronunciam o txi- (tyi), xi-, si-, isi-, se-, outras preferem-lhe os prefixos u- ou lu-, outras, mais raras, contentam-se com a base sem acrescentamento de prefixo algum. Assim, sem sairmos da Provincia de Angola, os Congueses ou Exi-Kongo chamam a sua lingua kixikongo, os habitantes do Bailundo e do Bihe, os I-mbundu, a sua u-mbundu, ao passo que os Akua-Mbamba denominam o seu dialeto simplesmente "mbamba". É pois nossa opinião que, se quisermos falar corretamente, devemos dizer "o kimbundu", "o umbundu", mas não "a língua kimbundu ou umbundu", porque ki- e u- já significam língua. Não recomendamos tampouco o uso de "lingua mbundu" a não ser que se lhe junte: De Angola ou de Benguela (Bangela) para obviar a confusão que, de outra forma, seria inevitavel."


NOTAS:
Exi-Kongo: sing. Muixi-Kongo=mu+ixi+Kongo; em kimbundu diz-se Muxi-Kongo,pl Axi-Kongo- Seriam " as pessoas da terra de Kongo", os naturais do Kongo, ou seja os Congueses.
I-mbundu=Em kimbundu os Bailundus e Bihenos são chamados I-mbundu, cujo singular é Ki-umbundu. Que não se confundam os homonimos Kimbundu=lingua dos Ambundu ou pretos de Angola e Kimbundu=preto do Bailundo e Bihe. Em umbundu O Ci-mbundu(no singular) e O Vi-mbundu(no plural)
Bailundo= Em Umbundu e Kimbundu= O Mbalundu
Bihe= em umbundu=O Viye, em kimbundu=O Biie
Como se vê, o emprego do prefixo u- para designar a linguagem (umbundu), é devido a aplicação do prefixo ki- ou ci- a pessoa, aplicação que por seu turno, provém da necessidade de distinguir o preto do Bailundo do de Angola.
Entretanto também acontece no u-mbangala, dialeto falado pelos I-mbangala, sing= Ki-mbangala (em kimbundu), ou Çi-mbangala (em umbangala), entre os quais estava a outrora feira de Cassange (=Kasanji de sanji, galinha)
A gramática de Heli Chatelain citada acima, a cujo texto transcrevi, foi editada originalmente em 1888-89, sendo que o exemplar que possuo foi republicado em 1964.



Comentários: Assim que lancei a Hp, escrevia kimbundo (terminando na vogal "O"), e após algum tempo verifiquei que a "rigor" a escrita mais correta seria "kimbundu" (de acordo com a língua em questão). Cheguei a comentar o fato na época dentro do fórum (que no momento encontra-se fora de linha), mas percebi também que trocar o endereço poderia nos trazer alguns transtornos, e expliquei isso aos usuários. Somente hoje deixo o fato registrado na Hp.
Quando tínhamos o fórum, havia um tópico também no qual costumavamos registrar as correções e modificações que íamos fazendo na Hp, e hoje percebo a necessidade de criarmos um espaço dentro de Menu para essa finalidade. Qualquer trabalho necessita de revisão e possíveis correções, e nosso trabalho não é diferente.
Deixo claro que tem sido grande o meu trabalho (sou autodidata), e tento na medida do possível ir passando todo o conteúdo que possuo e que vou aprendendo para a Hp.
Já existe muito conteudo para revisar e aqueles que quiserem e puderem me ajudar neste trabalho agradeço.

8 votes. Moyenne 2.88 sur 5.

Commentaires (2)

1. Alberto Maó Cabinda 29/05/2012

devemos nos unir para sermos um só povo. sonho meu.....

2. José Maiato 30/11/2011

saber como é feita o matrimonio na tribo Kimbundu

Ajouter un commentaire

Créer un site gratuit avec e-monsite - Signaler un contenu illicite sur ce site